segunda-feira, 31 de março de 2008

Terrível

É o que dá, ter um escritório familiar.
É o que dá, trabalhar com os filhos ao lado.

E os filhos ao lado deitaram o olho ao trabalho burocrático necessário ao passo final.
Olharam, leram e perceberam...

E, a conversa que estava agendada para mais tarde e partilhada com o pai teve que ser feita agora...
Já agora, ajudaram a estabelecer alguns itens no Acordo do Poder Paternal...

É terrível
É triste

Muito triste
Muito mesmo

2 comentários:

Rosa Espartilho de Rótula disse...

Olha..eu acho que eles já tinham percebido há já algum tempo que havia problema em casa.
Aquelas conversas em inglês e tudo o mais, eles viram-te a chorar.
Elas já sabiam de alguma coisa...isso foi apenas uma confirmação.
Eles no fundo já devem ter falado entre si sobre o assunto.
Força mulher vai em frente! Eles aguentam-se e quando crescerem vão te dar razão.

Karmen disse...

Pode ter sido um choque, mas as crianças são muito intuitivas, e provavelmente ja estavam preparadas para a noticia...
Lembras-te da cena no Centro comercial?? O ataque de choro?? Achas q eles não sentiam isso a distancia?? Claro que não é facil, claro que é uma familia que pela segunda vez (no caso deles) se desmorona... mas eles são fortes, e se calhar vão ter mais tempo com o pai depois, do que agora.
Se gostam da mãe, é o melhor que pode acontecer.